Acompanhe o nosso blog com dicas úteis para o mundo digital: SEO, redes sociais, conteúdo, design … web >

Pergunta para queijinho*: como aparecer na primeira página do google?

Sabia que mais de 80% dos utilizadores que pesquisam no google não passam da primeira página dos resultados de pesquisa? Para esses, quem não aparece, não existe! Não basta estar online, é preciso aparecer e para isso é essencial conseguir um bom posicionamento no Google.

Maria Cabral de Sousa
Mar 2 • 4 min leitura
Pergunta para queijinho*: como aparecer na primeira página do google?

Há duas formas de conseguir um bom posicionamento nos resultados de pesquisa do google:

  • pagando, fazendo campanhas com anúncios pagos no Google Adwords, focado no pay per click
  • não pagando, o chamado posicionamento orgânico, focado no SEO - Search Engine Optimization - que se caracteriza por um conjunto de métodos de otimização que fazem o seu site aparecer nos resultados de pesquisa sem custos.

É do posicionamento orgânico que venho falar hoje. O site da sua empresa tem de “merecer este destaque aos olhos do Google”. Para que isso aconteça, que fique claro: há coisas que dependem de si e outras que dependem do know-how e capacidade técnica da empresa que lhe fez o site. Se o trabalho de cada um estiver bem feito, o caminho para o sucesso está traçado.

Aqui ficam algumas dicas para que o Google considere o seu site relevante … no que depende de si:

  1. Conteúdo otimizado– os textos que escreve para o seu site devem ser claros, objetivos e ter palavras chave relevantes. O google “lê” os textos que estão em cada página do seu site e se quer ser encontrado por uma determinada palavra ou expressão, tem de a escrever! caso contrário como quer que o Google o considere relevante para essas palavras? [ler artigo “Porque é que o conteúdo é tão importante neste mundo google?”]
  2. Conteúdo atualizado – manter o seu site atualizado, com notícias, artigos e partilha de conhecimento é importante, mostra ao Google que o seu site é dinâmico em termos de conteúdo e se mantém “vivo e a dar cartas”. [ler artigo: “o maior risco não é estragar, é não atualizar”]
  3. Links – há três tipos de links importantes a ter em conta quando trabalha os conteúdos do seu site: inbound links, outbound links e internal links. Os inbound links são os links de outros sites relevantes que apontam para o seu, mostrando ao Google que há outras entidades que consideram o seu site relevante ao ponto de porem um link para ele. Os outbound links são aqueles que, ao longo do seu site, apontam para outros sites relevantes. Os internal links são aqueles que interligam as páginas do seu site facilitando a ligação entre páginas para o google e a navegação dos utilizadores que navegam pelo seu site. Se conseguir trabalhe todos estes links … se for demais, foque-se nos inbound links primeiro.

E agora algumas dicas para que o Google considere o seu site relevante … que dependem do know-how da empresa que lhe fez o site:

  1. Segurança e acessibilidade – ter um site seguro com certificado SSL é importante e ter um site acessível ao google, com código fonte bem programado e organizado, com sitemap.xml submetido é essencial.
  2. Mobile friendly – ter um site verdadeiramente mobile friendly, otimizado para todos os browsers e dispositivos: desktop, tablet e phone, é essencial não só para os seus utilizadores - como também para que o google o valorize nos resultados das pesquisas feitas em mobile.
  3. SEO Técnico - a otimização de HTML, URL’s dinâmicos por página, definição de metatags (título e descrição) dinâmicos por página e o redirect dos URL’s antigos para os novos para não perder “indexação histórica” é muito importante. Não tem de perceber tudo isto, mas é essencial assegurar que quem lhe fez o site percebe!
  4. Rapidez – é essencial ter um site rápido em termos de page speed tanto na versão desktop como na versão mobile. Mas atenção: não pode olhar ao page speed sem olhar ao tipo de site estrategicamente importante para si. Se o seu site é muito forte graficamente, com muitas imagens e animações é normal que tenha um page speed pior mas é importante para comunicar o seu posicionamento a quem o visita. O compromisso entre grafismo e page speed tem de ser tido em conta.

Uma estratégia de SEO com qualidade e rigor, orientada a um bom posicionamento orgânico traz consigo resultados mais qualificados e exige, geralmente, mais investimento económico a curto prazo, mas menos investimento económico recorrente, porque não tem de estar sempre a pagar (fazer anúncios) para aparecer no google.

* a quem não souber o que significa "pergunta para queijinho" sugiro noitadas de Trivial Pursuit com amigos :)

Atenção, o seu browser está desactualizado.
Para ter uma boa experiência de navegação recomendamos que utilize uma versão actualizada do Chrome, Firefox, Safari, Opera ou Internet Explorer.